news

Os Gatos da Factoria: Nik, o Niklaus.

Factoria Clothing

Hoje vamos contar a história do Nik. Ele é um dos 3 filhos da Leite Moça, aquela gata que contamos a história na quinta passada. Gostaríamos de pedir pra vocês que compartilhem as histórias de nossos gatos resgatados para que de alguma forma isso inspire outras pessoas a regatar e adotar animais abandonados. Agora, antes de começar a história do Nik, uma foto logo de quando ele chegou aqui com a mãe e as outras duas irmãs:



Logo que ele chegou, notamos que ele tinha o corpo mais mole que o normal. Sério, era (e ainda é) muito mole mesmo. De sentar e o pescoço ficar de lado haha. Quando pegamos ele no colo, ele não faz nenhuma força pra sair ou mudar de posição. Parece que ele simplesmente relaxa e esquece de tudo. 

Outra coisa que ele mostrou logo que chegou, é que era viciado em produtos de limpeza. Era só passarmos um desinfetante no chão ou lavar alguma coisa com cloro que ele ficava louco, se esfregando inteiro no chão. O mesmo vale pra pernas e mãos quando estão com esses cheiros. Se ele pega alguém saindo do banho então, se esfrega, abraça e morde nossa canela com a maior felicidade do mundo, pelo cheiro de sabonete. Não sei, mas essas coisas de limpeza devem ter alguma coisa que o atrai.

O Nik é super amigo de todo mundo e sempre recebeu todo gato novo que chegou aqui. Ele é enorme, mas é um anjo de tão quieto que é. Só tem uma mania feia de fazer xixi na sala, no tapete e nas caminhas dos outros gatos. Marcando território mesmo, sabe? Achando que mora na selva de certo. Mas fora isso, é um gatinho lindo que não dá trabalho nenhum.

Carinhoso, manhoso e carente, o Nik sempre acha uma hora pra pedir atenção, de um jeito que é todo dele. Ele ve alguém se aproximando, já se joga no chão e vira de barriga pra cima esfregando as costas no chão. Com certeza pedindo carinho na barriga. O carinho sempre é ''recompensado'' com umas mordidas e unhadas carinhosas nos nossos braços ou pernas.

O Nik, assim como as 2 irmãs dele, nasceu no porão da vizinha e já veio direto pra cá. Ou seja, essas são os únicos 2 lugares do mundo que ele conhece. Então, ele MORRE de medo de simplesmente TUDO que não seja nós e nossa casa. Barulho de carro muito alto, gente gritando na rua, tudo isso é motivo pra ele ficar meio assustado. Quando chega alguém aqui então, vira um raio e sai correndo pra se esconder em qualquer lugar que seja. 

Ele gosta muito de olhar pra rua, assim como todos os outros. Ele olha pela janela, apenas com as gradinhas da veneziana abertas. Fica muito tempo olhando, mas assim que alguma coisa super assustadora tipo uma moto passa, ele ja desce correndo da janela haha.

O Nik é bobão, assustado, medroso, mas é um gato lindo demais e que temos certeza que é feliz demais de estar aqui. Pois ele demonstra isso no dia a dia, sendo super carinhoso como é.

Ah, e mais uma coisa. O Nik (e as duas irmãs) mamaram na Leite Moça até quase uns 9 meses de idade, e até quase um ano, ficaram de vez em quando achar leite nas tetinhas dela hahaha.

Mas agora, vamos ver algumas fotos do Nik?

Nik com as irmãs Tofu (branquinha) e Mione (pretinha):



Nick brincando com a Mione:



Quando o Nik chegou, ele tinha os olhos azuis e era meio vesguinho haha:



Nik aprendendo os seus primeiros passos na cama:



O famoso pescoço molinho do Nik:



O Nik um pouquinho maior:



Aqui, ele já um pouco mais crescido:



E aqui, ele nos dias de hoje, fortão demais e lindão demais:



Depois de acordar: (aquele la atrás é o Moz, ainda vamos falar dele)





Esperamos que tenham gostado da história do Nik. Se puder, compartilhe essa história no seu facebook, para que de alguma forma isso possa influenciar pessoas a adotarem e resgatarem animais de rua! <3






Já conferiu nossa coleção de inverno? Clique na imagem abaixo e confira!


Postagem anterior Postagem seguinte


Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados